Notícias

afericao-confirma-ugt-como-segunda-central-sindical-brasileira-em-numero-de-filiados-

Aferição confirma UGT como segunda central sindical brasileira, em número de filiados.

Seg, 07 de Março de 2016 15:25

O sindicalismo cidadão, ético e inovado da UGT, centrado no ser humano, capaz de oferecer respostas e propostas aos problemas nacionais, foi novamente reafirmado.

Desta vez, foi o Ministério do Trabalho e Previdência Social (MTP) que atestou a Central como a segunda maior entre as centrais sindicais, em cálculo que considera o número de trabalhadores associados a cada sindicato e a quantidade de entidades sindicais filiadas às centrais, até o último dia do ano anterior. No caso da União Geral dos trabalhadores (UGT), não foram contabilizadas as entidades que se filiaram recentemente.

Pelos dados divulgados pela Secretaria de Relações do MTP, em 03/03, a UGT agrega 1.277 entidades sindicais, que representam 1.458 milhão de sindicalizados, em percentual de 11,38% do total de sindicatos filiados.

A aferição foi feita por grupo de trabalho tripartite, em que se encontram representantes do MTP, do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) e de cada central.

Os dados colocam a CUT na primeira posição, com índice de 30,47%, seguida pela UGT, com 11,38%. A terceira é a CTB, com 10,04%, à frente da Força Sindical, com 9,98%, CSB (8,02%) e Nova Central (7,45%). O resultado demonstra que a UGT, fundada em 19/07/07, é a central sindical que mais cresce no Brasil.

A pesquisa foi publicada no Diário Oficial da União (DOU), número 44 - Seção 1 - página 177, de 07/03/2016, e abriu prazo para recurso, conforme disposição contida no art. 8º da Instrução Normativa 02/2014.

Renato Ilha, jornalista (MTP 10.300)

TV STICC

Marreta Online

Marreta On-line

Denúncia

Denuncie informações aqui

Colônia de Férias

Colônia de Férias informações aqui