Notícias

morte-mais-um-golpe-duro-nos-trabalhadores-da-construcao-civil

Morte: Mais um golpe duro nos trabalhadores da construção civil

Seg, 25 de Setembro de 2017 16:18

Nessa segunda-feira (25), a construção civl sofreu mais um duro golpe. Um trabalhador de 24 anos morreu nesta tarde ao cair de um andaime, e encostar em fios de alta tensão, durante a reforma de um prédio entre as avenidas Ceará e Maranhão, na Capital. Patrick S. Oliveira trabalhava para a empresa Melo e Dias Manutenção predial. Ele faria a reforma e a pintura da fachada.

 

O STICC (Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil) já havia notificado a Melo e Dias por outras irregularidades. Preliminarmente, nesta segunda-feira, foram encontradas novas irregularidades, entre elas funcionários que não tinham carteira assinada e o andaime, que ocasionou o óbito, estava mal colocado e muito perto de fios de alta tensão. Familiares da vítima estavam no local, mas não tiveram condições de comentar nada, apenas tristeza.

 

De acordo com o presidente do STICC, Gelson Santana, “infelizmente mais uma vida que se vai. Se vai por irresponsabilidade de alguns empresários. Que matam e as coisas ficam por isso mesmo. Parece que o trabalhador da construção civil não tem importância nenhuma, mas são eles que transformam e que aumentam a economia deste país”. “Essas leis trabalhistas e da Previdência vieram para aumentar a tristeza de muitas famílias”, continuou.

 

Mais vítimas em 2017 – A morte desta segunda-feira já é a quarta no ano no Estado. No dia primeiro de maio, outro jovem, o Leonardo Vitolla, de 22 anos, teve sua vida ceifada enquanto trabalhava na demolição de uma obra em Porto Alegre. No dia 27 de julho, Dia Nacional da Prevenção de Acidente de Trabalho, dois trabalhadores morreram e outros três gravemente feridos na queda de um prédio em construção em São Leopoldo. A vítimas foram identificadas como Lutierri Muller Kulba, 30 anos, Jairo Rodrigues Cavallari, 26 anos.

Confira as fotos:

TV STICC

Marreta Online

Marreta On-line

Denúncia

Denuncie informações aqui

Colônia de Férias

Colônia de Férias informações aqui